quarta-feira, 4 de setembro de 2019

Polícia Civil inicia atividades de saúde e bem-estar em alusão ao Setembro Amarelo


A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio do Departamento de Assistência Médica e Psicossocial (Damps) realizou, na manhã de hoje (4), no pátio interno da Superintendência da Polícia Civil, várias atividades ligada ao bem-estar e à saúde dos servidores e colaboradores. As ações promovidas, neste mês, fazem alusão ao Setembro Amarelo, que tem como foco a prevenção do suicídio. Foram realizados atendimentos biopsicossocial com nutricionista, médico, psicólogos, assistentes sociais, educador físico e fisioterapeutas.
A diretora do Damps, Sônia Amaral, explicou o objetivo da ação realizada hoje. “Nós sabemos que o suicídio está sendo o mal do século, e Polícia não poderia ficar omissa, diante de uma situação dessa. Estamos realizando este mês de setembro diversas palestras e ações voltadas ao bem-estar e à saúde dos profissionais da segurança da Polícia Civil”, disse.

Durante este mês, o Damps fará visitas a algumas delegacias para levar diversas atividades aos profissionais da segurança, como aferição de pressão, avaliação nutricional, cálculo de Índice de Massa Corpórea (I.M.C) e liberação miofascial (massagem). “É importante esse trabalho feito pelo Damps para a nossa categoria policial, porque devido aos nossos costumes e nossa rotina árdua, fica difícil a busca de solução. Onde tem a busca, tem ajuda”.
“O Damps procura se antecipar através da prevenção, para caso haja uma emergência”, ressaltou o escrivão de Polícia Civil, Arnaldo Silva. Já para o inspetor Leonardo, policial civil há quatro anos, levantar a importância de viver e mostrar o quanto a vida é bela é uma maneira de ter qualidade de vida, no âmbito físico e mental. “Foi muito bom vivenciar a roda de conversa e ouvir histórias de luta e superação”, afirmou Leonardo.

Ao longo do mês, a programação se estenderá até o Complexo de Delegacias Especializadas (Code), a sede da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Fortaleza, do 2º Distrito Policial, no bairro da Aldeota, sendo finalizada dia 26 (quinta-feira), na Delegacia Metropolitana de Maracanaú.

Nenhum comentário:

Postar um comentário