terça-feira, 3 de setembro de 2019

Dono de Lava a Jato é assassinado na frente do filho de 12 anos em Medeiros Neto


Homem é morto na frente de seu filho menor de idade, no início da noite desta segunda-feira, (02) na cidade de Medeiros Neto. Segundo informações, a vítima, que foi identificada como Welton Gomes Lima, de 35 anos, estava com seu filho de 12 anos, na garupa de uma motocicleta modelo Honda/Bros, de cor branca, placa OUR 7280, e ao chegarem na sua residência, na Rua Brasilândia, no Bairro Bela Vista, a criança desceu da moto e entrou no portão. Neste momento, dois criminosos chegaram em outra motocicleta não identificada, e efetuaram vários tiros em direção a Welton.
A vítima ainda tentou correr, vindo a cair poucos metros à frente. O executor foi atrás do Welton e efetuou outros tiros contra ele, terminando a execução. Populares disseram ter ouvido pelo menos três disparos. A Polícia Militar foi comunicada do fato, e deslocou duas viaturas e uma unidade do SAMU, que ao chegar no local, encontrou a vítima já sem vida. A delegada de plantão da 8ª COORPIN, Andressa Carvalho, solicitou ao DPT a remoção do corpo para o IML de Teixeira de Freitas, onde passará por necropsia na manhã desta terça-feira (03). Após os exames de praxe, o corpo será liberado aos familiares.
Informações apontam que Welton teria envolvimento com o tráfico de drogas, e já teria sido preso pelo menos duas vezes por esse tipo de acusação. Ele seria ainda dono de um lava jato na cidade, e teria sido preso no final do ano de 2017, em uma ação da CIPE/CAEMA, PETO da 44ª CIPM e do K9 (cão farejador), quando foi encontrado drogas no interior do lava jato. O Welton teria cumprido pena no Conjunto Penal - CPTF, e teria saindo há poucos meses, e estava em liberdade condicional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário