quarta-feira, 31 de julho de 2019

Até maio, mães adolescentes geraram mais de 10 mil bebês na Bahia


De janeiro a maio deste ano, 10.617 bebês nasceram de mães que tinham entre 10 e 19 anos, na Bahia. Segundo a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), a gravidez na adolescência corresponde a 17,4% dos nascimentos vivos entre os baianos. O número preocupa os especialistas porque esse tipo de gestação apresenta riscos tanto para a mãe como para a criança.
Segundo o responsável pela Coordenadoria da Educação Ambiental e Saúde, da Secretaria Estadual da Educação (SEC), Fábio Barbosa, o governo tem investido em palestras, rodas de conversas e debates, entre outras ações, para conscientizar os meninos e meninas que estão nessa fase da vida. Ele destacou o Programa Saúde na Escola, do Governo Federal, como uma iniciativa que tem dado resultados. Leia mais no CORREIO

Nenhum comentário:

Postar um comentário