sexta-feira, 24 de maio de 2019

Casas Bahia faz acordo de R$ 4,5 milhões por humilhar funcionários

A
 Via Varejo, dona das Casas Bahia e do Ponto Frio, fechou um acordo com o Ministério Público do Trabalho (MPT) e deve pagar R$ 4,5 milhões após denúncias de assédio moral. De acordo com o processo, funcionários relataram práticas de humilhação, xingamentos e até “dança na boca da garrafa” como punição. O acordo, fechado nesta semana, resultou de duas ações coletivas do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, em Campinas (SP), uma de 2010 e outra de 2016. As acusações envolviam diferentes unidades da empresa no interior paulista. Cada ação foi fixada em R$ 2,25 milhões, totalizando R$ 4,5 milhões.
O valor deve ser pago pela Via Varejo em 12 parcelas. Segundo a Justiça, o dinheiro será destinado a projetos sociais de entidades privadas sem fins lucrativos ou de órgãos públicos indicados pelo MPT que atuam na proteção do trabalho. Se descumprir o combinado, a empresa está sujeita a multa. Leia mais no UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário