sexta-feira, 1 de março de 2019

Ilhéus: empresário que matou casal de colombianos será julgado em 15 de março


A audiência de instrução e julgamento do suspeito de matar um casal de colombianos em Ilhéus, em maio do ano passado, está prevista para acontecer no próximo dia 15 de março, às 08h, com o juiz Gustavo Henrique de Almeida Lyra, titular da Vara de Execuções Penais da Comarca de Ilhéus.
Magno Rodrigues confessou o duplo assassinato de Andres Aluan Rey e Diana Paola Zuluaga. Eles foram mortos na noite de 18 de maio, na BA-001, entre as cidades de Ilhéus e Itacaré. Na época, o casal tinha se mudado para Ilhéus há pouco mais de seis meses.
De acordo com a polícia, Magno teria cometido o crime por conta de uma dívida de R$ 7 mil que tinha com as vítimas, que atuavam com agiotagem. As investigações apontam que, para matar o casal, ele marcou um encontro com os colombianos, dizendo que iria pagar o empréstimo. Mas de acordo com as investigações, Magno planejava roubar as vítimas para pagar outra dívida de R$ 50 mil, que ele teria contraído com um grupo de ciganos.
Conforme a investigação, o suspeito ligou para os colombianos e pediu para eles irem buscar a quantia no lava-jato. No entanto, a polícia acredita que as vítimas seguiram de carro com Magno e outros dois comparsas, que levaram os colombianos para as proximidades de um cemitério, onde foram executados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário