segunda-feira, 18 de fevereiro de 2019

Polícia Civil prende mulher por recrutar pessoas para atuarem em grupo criminoso



Uma suspeita apontada como a responsável por recrutar mulheres para atuarem no tráfico de drogas foi presa após uma investigação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), na cidade de Acaraú, Área Integrada de Segurança 17 (AIS 17). O fato aconteceu, nessa quinta-feira (14), e é o resultado de diligências deflagradas pelas delegacias Regional de Acaraú e Municipal de Itarema. Lais Carla Santos Sousa (19), conhecida por “Laisinha”, estava com mandado de prisão preventiva em aberto.
No dia 7 de janeiro, policiais militares lotados no Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) foram até a residência de “Laisinha”, que já possui passagem pela Polícia por tráfico de drogas, após informações que no local havia a movimentação suspeita oriunda da atividade ilícita. Chegando ao local, os policiais não localizaram a suspeita, sendo apreendidas quatro munições de calibre 12, 200 gramas de maconha, uma balança de precisão, seis pinos semelhantes aos utilizados em granadas, bem como outros materiais.
O caso foi levado para a Delegacia Regional de Acaraú, onde a Polícia Civil deu continuidade às investigações, que culminaram na representação do mandado de prisão contra “Laisinha”. Desde então, os policiais civis realizavam diligências visando capturar a suspeita. Foi então que nessa quinta-feira, a equipe encontrou a mulher na residência de parentes, em Acaraú.
Com ela, foi apreendido um celular que será periciado para extrair dados que auxiliem os trabalhos policiais, que seguem em curso. De acordo com as apurações, “Laisinha” é companheira de um criminoso, que já se encontra recolhido no sistema prisional do Estado e que atuava na cidade de Sobral (AIS 14). A mulher foi levada para a sede da Delegacia Regional, onde foi ouvida. Agora, ela se encontra à disposição da Justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário