loading...

quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

Delegacia Móvel da PCCE é instalada na Praça do Ferreira durante operação Centro Seguro



Com o objetivo de trazer mais tranquilidade durante o período de fim de ano para moradores, comerciantes e usuários do comércio de rua do Centro de Fortaleza, a Polícia Civil do Ceará (PCCE) disponibilizou a Delegacia Móvel para realizar atendimentos, na Praça do Ferreira, em Fortaleza, na Área Integrada de Segurança 4 (AIS 4). A iniciativa integra a Operação Centro Seguro e passou a funcionar, desde o último sábado (01), na região que recebe uma maior quantidade de pessoas que buscam fazer compras para as festas de fim de ano. A delegacia móvel funciona em um ônibus, equipado com computadores e toda a estrutura necessária para o atendimento à população, e tem uma equipe de policiais civis – escrivão, inspetores e delegado. O equipamento está aberto de 10 as 20 horas todos os dias da semana.
Essa implantação é conduzida pelo 34° Distrito Policial, delegacia responsável pelo bairro. A população poderá procurar o posto móvel para registrar Boletim de Ocorrência (B.O), além de ser encaminhada, caso haja necessidade, para atendimentos em outros órgãos, como Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Decon), Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) e Defensoria Pública Geral do Ceará (DPGE).

Para o delegado geral da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), Everardo Lima, esse tipo de trabalho visa aproximar a Polícia Civil da população e tem como foco o registro de crimes e também fatos não-delituosos, como casos envolvendo direito do consumidor ou, até mesmo, pessoas que se encontram em estado de vulnerabilidade. “Espero que a população possa se favorecer desses serviços e busquem o atendimento da Delegacia Móvel a fim de receberem uma melhor orientação”, ressalta Everardo Lima.



A Delegacia Móvel é um equipamento que a Polícia Civil dispõe deste da Copa do Mundo de 2014 e é usado em alguns eventos. “Recebermos demandas da Prefeitura de Fortaleza, da Câmara de Dirigentes Logistas (CDL) e do Sindicato do Comércio Varejista e Lojista de Fortaleza (Sindilojas), para que intensificássemos as ações nessa área. Para atender a necessidade de reforço das ações da PCCE na região, disponibilizamos esse recurso que amplia a sensação de segurança dos frequentantes do Centro”, finaliza a titular do 34°DP, delegada Patrícia Lopes Aragão.

Serão realizadas também atividades voltadas para a divulgação dos trabalhos de algumas delegacias especializadas. Uma delas é a Delegacia de Defesa da Mulher de Fortaleza (DDM-For), que prestará orientação para mulheres que procurem tirar dúvidas ou registrar ocorrência de violência doméstica. Um outro serviço que será disponibilizado é a emissão do documento de identidade. Uma equipe da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) estará no local para efetuar a emissão de RGs, a partir da próxima quinta-feira (06).



Operação Centro Seguro

A Operação Centro Seguro conta ainda com o efetivo diário de 264 policiais militares. O objetivo da operação é coibir a criminalidade de forma integrada no Centro e imediações, que recebem um aumento no fluxo de pessoas por conta das vendas de fim de ano. Os policiais militares atuam com ações ostensivas, prevenindo e reprimindo delitos, através de ações coordenadas, combinando diversas modalidades de policiamento – a pé, montado, patrulhas móveis e de bicicleta, que devem contemplar todo o Centro da cidade e entorno. As praças da Estação, do Ferreira, José de Alencar, dos Leões, Passeio Público e o Parque das Crianças também ganharam reforço policial, além dos principais cruzamentos da área indo até a Avenida Monsenhor Tabosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário